História de John Lennon

      John Winston Lennon nasceu dia 9 de outubro de 1940 na Inglaterra. Na escola, Lennon sempre foi um garoto rebelde. Devido às suas notas baixas, ele não era um bom aluno. Ele era mais preocupado com a música. Sua mãe lhe deu uma guitarra de presente. Ele formou uma banda chamada Quarry Man, e acabou deixando a escola. Após a entrada de Paul na banda, os dois começaram a compôr juntos. Mas ao contrário de Paul, que era mais romântico, Lennon escrevia músicas mais explosivas, mais energéticas.

      Em 23 de Agosto de 1962 John se casou pela primeira vez, com Cynthia Powell, com quem teve um filho, Julian Lennon. Os Beatles estavam em pleno sucesso internacional, quando John lançou seu primeiro livro, em 1964, chamado "In His Own Write", que se tornou um best-seller.

      Em 1965 os 4 Beatles receberam o título de MBE (Membro do Império Britânico) da realeza inglêsa. Mais tarde John criou a maior polêmica ao devolver seu MBE por causa do auxílio da Inglaterra aos Estados Unidos na guerra do Vietnã.

      Mas em 1966 ocorreu o fato mais polêmico da vida de Lennon. Ele teria declarado em uma entrevista a Maureen Cleave que os Beatles eram mais populares que Jesus Cristo; o que causou um sentimento anti-Beatles entre os fãs, que queimaram discos dos Beatles em praças públicas. John Lennon teve que se retratar pedindo desculpas publicamente.

      Ainda em 1966 os Beatles fizeram seu último show ao vivo, no Candlestick Park em San Francisco, EUA. Em novembro desse ano John Lennon conheceu uma artista Japonesa, chamada Yoko Ono, na "Indica Gallery" de Londres.

      A relação de John com Yoko crescia fortemente. Após os Beatles voltarem da Índia, onde foram aprender meditação transcendental, John e Cynthia se divorciaram, e ele começou a viver com Yoko Ono. Se casaram em 20 de Março de 1969, o que desagradou profundamente Paul, George e Ringo. Segundo os 3 ela atrapalhava as gravações e ensaios da banda. Yoko foi considerada um dos motivos do fim dos Beatles.

      Em se tratando de música, suas composições junto com Paul, concederam aos dois o título de melhores compositores do mundo. Durante os anos de Beatles, Lennon foi mudando completamente sua personalidade. Em 1967 começou a compor músicas pouco convencionais, como "Strawberry Fields Forever", "I am the Walrus", "Happiness is a Warm Gun" que criticavam o comportamento das pessoas. Além de usar barba, óculos, cabelos cumpridos, influenciando a toda uma geração. Tornou-se o Beatle mais polêmico. A imprensa o considerava o líder do grupo.

      Após a separação dos Beatles, Lennon começou sua carreira solo, e foi cantando sozinho que Lennon fez sua mais bonita e famosa música: Imagine. Outros grandes sucessos foram Jealous Guy, Woman, Happy Xmas, Mother e Give Peace a Chance.

      Chegou a ter uma grande concorrência com Paul McCartney. Quando entrevistado a respeito do que achava do primeiro disco solo de McCartney, John deu a seguinte declaração: "Achei uma porcaria, achei que esse primeiro não passa de um monte de merda".

      Lennon morreu assassinado em 1980, mas o mundo nunca se esquecerá dele, nem de Help!, Ticket To Ride, Strawberry Fields Forever, Revolution, Come Together, entre outras músicas. Ele, Paul, Ringo e George formaram a maior banda de todos os tempos, e disso ninguém irá se esquecer.